Saturday, March 30, 2013

A Fronteira


Noite, Casa e Portão, Sandra Costa, Santo António dos Cavaleiros, Loures, Fevereiro de 2013

Entre o texto e vós, a fronteira, porque os mundos literários de alguma carne se alimentam neste mundo, porque o inaudito não poderia ser sem a experiência do silêncio, nem o uivo das trevas falar sem que o escriba se ofertasse ao sacrifício, nem seria possível relatar com veemência a dor sem que as aves de fantasia se dessedentassem no sangue. Para além da brancura da página, a treva, o inumano, porque cabe ao cifrador desumanizar-se para se sobre-humanizar, oculto o corpo sangrado, a carne devassada, a pele intocada pela palavra dos homens. Venham depois os que hão-de vir, achem-lhe os ossos magros no imo da floresta e saibam que dentro de um esqueleto houve mais que o pó.

Jesus Carlos

Labels:

Wednesday, March 27, 2013

Deadly Pistachios, 35


El abrazo de amor del Universo, la Tierra (Mexico), Yo, Diego y el Señor Xólotl, Frida Kahlo, 1949

Labels:

Tuesday, March 19, 2013

Deadly Pistachios, 34


Trodden Weed, Andrew Wyeth, 1951

Labels:

Wednesday, March 13, 2013

Deadly Pistachios, 33


Fencer Wearing Sabre Mask, Andreas Feininger, 1955

Labels:

Thursday, March 7, 2013

Poema Ao Estilo Japonês


Costume for Salvador Dalí's Dream of Venus surrealist pavilion at the 1939 New York World's Fair, Horst P. Horst, 1939

A vida é um parque de diversões
Com farturas e chouriços e fanfarras.
Naglowska alimentava-se de sémen.
Cleópatra não dispensava o leite
De burro. Elizabeth Bathory
Preferia o sangue. As crianças
Lambuzam-se no algodão doce.
Enfiaram o pénis de Rasputin
Num frasco. Arrancaram e exibiram
O cérebro de Mussolini num frasco.
Ao fim de 180 anos o coração
De Louis-Charles XVII foi sepultado.
E garantem que a Irmã Lúcia
Bateu as colheres virgem. Ai cona,
Que não se perdeu nada! Fim.

Jesus Carlos

Labels:

Sunday, March 3, 2013

Deadly Pistachios, 32


Queen of Summer, Yaroslav Balaban, 2012

Labels:

Moleskine de Scardanelli © 2012 (3rd edition) | Panel